O que é CF-e – Cupom Fiscal Eletrônico? Saiba Tudo!

Substituto do Emissor de Cupom Fiscal (ECF), o Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e) é emitido apenas de forma digital e foi desenvolvido para diminuir o índice de reclamação dos consumidores, bem como para diminuir o número de multas em lojas e outros estabelecimentos. Esse tipo de cupom possui o mesmo valor que os cupons fiscais impressos, já que contam com a assinatura digital, que está presente no Certificado Digital do contribuinte.

Entre as maiores vantagens do CF-e, estão: a possibilidade de imprimir o cupom fiscal em qualquer impressora, de poder enviar o documento de forma eletrônica e a dispensa de todo o processo de lacragem e autorização do uso. Além disso, vale ressaltar que o cupom fiscal digital foi criado, sobretudo, para evitar a sonegação de impostos por parte das empresas e, dessa forma, tem o papel de contribuir para uma concorrência mais leal entre os mais diversos tipos de negócio.

Quer saber tudo sobre o CF-e? Confira nesse artigo todas as dicas e informações que temos para você!

Veja abaixo:

• Quem precisa utilizar/emitir o Cupom Fiscal Eletrônico (CF-e)?

Todas as pessoas jurídicas precisam emitir o CF-e para os consumidores de seus produtos/serviços, haja vista que a entrega do tipo de cupom fiscal é uma exigência dos órgãos de fiscalização competentes. Nesse documento, estão todas as informações sobre o comércio de varejo do estado. Vale ressaltar que a não emissão do CF-e pode ocasionar multas às empresas, principalmente levando em conta que hoje o fisco está muito mais atento em relação aos deveres das empresas.

Para o consumidor, o CF-e é indispensável porque possui valor jurídico e serve para fins de comprovação.

• Curiosidades sobre o CF-e?

Uma das principais curiosidades sobre o Cupom Fiscal Eletrônico é que não é preciso ter conexão à internet o tempo todo para que o sistema funcione, já que a transmissão de dados sobre o comércio de varejo pode ser feita de forma periódica para a Secretaria da Fazenda. Outro benefício é que um único aparelho emissor de CF-e pode atender a diversas lojas. O sistema está presente no mercado desde 2014 e é indispensável para os contribuintes de impostos.

• Principais dúvidas sobre CF-e

– Para o que serve o CF-e?
O Cupom Fiscal Eletrônico foi criado para evitar que as empresas soneguem impostos, bem como para facilitar a fiscalização e ser um substituto com funcionamento muito mais simples em comparação ao ECF.

– O que é preciso para emitir o CF-e?

De acordo com as exigências da Secretaria da Fazendo, é preciso ter um Certificado Digital para poder emitir o CF-e, além de computador, acesso à internet, impressora comum e um sistema de impressão de CF-e.
Esse artigo foi útil para esclarecer as suas dúvidas? Compartilhe em suas redes sociais para que mais gente fique por dentro do assunto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *