Saiba como escolher um Software para Gestão de Restaurante

Se você chegou aqui, você provavelmente se encontra nesta seguinte situação:

– Está abrindo um novo restaurante ou semelhante;

– Já possui um restaurante, mas está insatisfeito com seu Software de Gestão atual;

– Já possui um restaurante e não utiliza nenhum software e deseja melhorar sua gestão com o uso da tecnologia;

Não importa exatamente como você chegou até aqui. Esse post lhe ajudará a escolher e a entender como funcionam os melhores softwares para Gestão de Restaurantes do mercado. E por BOM não entenda como algo caro, sabemos que há muitas opções com custo acessível, até mesmo para o pequeno empresário.

 

  • Plataforma Online ou Software Instalado?

Hoje com a popularidade e disseminação da internet, de imediato pensamos em ir para as plataformas online. E de fato, elas oferecem muitas vantagens, mas também algumas desvantagens e você deve pesar isso. Qual é a melhor para você? Antes de responder essa pergunta, você deve se questionar qual é a disponibilidade de conexão que você tem no seu estabelecimento, qual é a estabilidade dessa conexão?

Sabemos que a internet do nosso país ainda está longe de atingir um patamar aceitável de qualidade e para quem mora em cidades do interior, essa realidade é ainda mais dura.

Levando isso em considerando, se seu estabelecimento possui uma internet confiável, estável e rápida. Aí sim você poderá considerar uma plataforma online, caso contrário, fuja desta “facilidade” pois quando você mais precisar, seu sistema te deixará na mão.

  • Funcionalidades

As funcionalidades do seu Software para Restaurantes devem dar conta da demanda do seu estabelecimento.

Comanda Eletrônica: Trata-se de um item essencial e sem ele, os restaurantes tem se tornando cada vez mais lentos e sujeitos a fraudes por parte dos seus próprios consumidores. A comanda eletrônica agiliza muito o processo de pedidos, que podem ser feitos via smartphone, que devidamente sincronizado com a cozinha acelera os pedidos e poupa tempo dos garçons e de toda a equipe.

Emissor de Cupom Fiscal SAT: Pela nova legislação, todo novo restaurante precisa emitir o Cupom Fiscal SAT (falamos sobre isso em um post anterior), por isso, fique atento e verifique se o programa que você utiliza atende a mais essa demanda.

Outras funcionalidades muito importantes que deve existir em um bom Programa para Gestão de Restaurantes:

– Ponto de Venda (PDV);

– Vendas no Balcão;

– Controle de Mesa;

– Envio de Documentos Fiscais;

– Cadastro de Produtos, Clientes, Ingredientes, Itens Opcionais, etc;

– Fluxo de Caixa;

– Controle de Estoque;

– Relatório de Vendas;

Se o seu software atual possui todas essas funcionalidades, você está no caminho certo e poderá focar no desenvolvimento do seu negócio, sem estar preso à um software que esteja minando todo potencial de crescimento do seu negócio.

Tenha sempre em mente, que software bom é aquele que facilita a sua vida e aumenta a produtividade, melhora o atendimento ao cliente e consequentemente traz benefícios ao negócio.

É importante considerar que, um bom software não faz milagre se você não tiver uma boa equipe de suporte. Receber o treinamento adequado, possibilitará que você possa extrair o máximo do software e obter bons resultados.

Caso você esteja à procura de um software para Gestão de Restaurantes, não deixe de conhecer o sistema da WLL Sistemas voltado à área gastronômica, chamado W-Food.

Solicite uma versão demonstrativa do nosso sistema e tenha assistência de uma equipe profissional, empenhada em trazer o que há de melhor no segmento.

2 comentários em “Saiba como escolher um Software para Gestão de Restaurante

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *